Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2017
o amor não é uma armavocê não pode encostar teu amor afiado na pele delicada da minha garganta e me dizer pra te obedecer ou teu amor me cortaráa forma como você usa palavras duras contra meus ouvidos e me diz que é pro meu melhor e que tudo isso é por bem querere como você tira minha força e me torna frágil pequena diminutiva em meus sonhos e tira de mim minha fé em mim mesmateu amor queima como ácido e tem algo errado nissoteu grito penetra na minha mente tão calma e gera uma perturbação imensa é como um tsunami numa cidade cheia de jardinsa marca dos teus dedos pelos meus braços e a marca da tua falta de tato nas minhas memórias são como sal nestes raladoso jeito como você ama dói e eu me pergunto se mereço (eu mereço?) e eu perco o sono a fome a esperançaesses passos são meus dos meus pés e você não pode trilhar nenhum deles por mimesse riso é meu e essa voz é minha e esses detalhes são eu e com todos esses erros ainda sou eu você não vêtua vontade não pode me moldar dentro desse …