Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2017
dizem que o verdadeiro amor é como descobrir o suicídio
você atravessa a rua despretensiosamente sem olhar pros dois lados flertando suavemente com a morte
você atravessa os dedos despretensiosamente pela minha pele flertando suavemente com a minha alma
você não é tão incerto quanto a vinda de um carro diretamente contra o lado direito do meu corpo
você atravessa por mim desligando-se do impacto mas os teus toques atingem minhas estruturas selvagementemas se eu tivesse implorado ou chorado ou ralado meus joelhos no chão do nosso quarto
isso mudaria algo? isso nos traria alguma luz?
o quão pouco estávamos dispostos a partilhar nossos pequenos segredos
nós fomos uma fraude doce amor uma bonita tentativa falha
eu tentei te alcançar quase te sinto você está tão perto
e então
você desaparecenós ignoramos todos os sinais nós fechamos nossos olhos pra todos os avisos
chegamos depois da hora e não estávamos ao menos prontos
não é de admirar termos perdido o controle
quando sempre somos uma ex…